facepixel

Tempranillo – Sinônimo de vinho espanhol

TEMPRANILLO - Sinônimo de Vinho Espanhol

Com a Tempranillo não tem jeito! Esta é Espanhola desde o nome até a tradição, vestiu mesmo a camisa. Esta uva campeã dos vinhos espanhóis tem história para dar, vender, emprestar, alugar e tudo mais que você pensa conceber.

Afinal, a Tempranillo  é uma uva de mais de 3 mil anos! Isso mesmo, três mil anos! Ela foi trazida aqui para a Espanha pelos fenícios, um povo bem antigo que vivia onde hoje se encontram Palestina e Líbano.

E hoje vamos te contar um pouco da história, do sabor, do aroma e de tudo mais que se pode imaginar sobre este fruto tão peculiar e tão rico de sabor e de antiguidade.

A História da Tempranillo

Como já dissemos, a Tempranillo foi trazido para a Espanha pelos fenícios e, por aqui, passou a ser cultivado há mais de dois mil anos. Na Espanha, os vinhos sempre tiveram identidade regional muito especificada com cada espécie de uva. Eram feitos para os povos dali, ou “os pueblos”.

Por aqui, ganhou muitos nomes como Tinta Del País, Tinta Del Toro , Cencibel e Ull de Llebre. Isso só aqui na Espanha, viu? Se fôssemos listar a quantidade de nomes que o tempranillo tem pelo mundo, levaríamos o dia inteiro.

No século 19, a Tempranillo já fazia vinhos espanhóis muito conhecidos, principalmente em Rioja e Ribera del Duero. Rioja, até hoje o maior produtor de tempranillo do mundo! Mas algo aconteceu naquela época

Os vinhedos franceses foram dizimados por uma praga chamada filoxera. E o que os franceses que não ficam sem vinho fizeram? Começaram a importar vinhos espanhóis. Não são bobos nem nada, hein?

Acontece que os franceses não gostaram tanto assim dos vinhos espanhóis. Isso fez com que os produtores espanhóis apostassem no conhecimento de enólogos para melhorar o seu vinho. E quem ganhou? Todo mundo! Pois a Tempranillo espanhola se tornou uma marca registrada e o mundo passou a apreciar sem fronteiras este vinho espetacular.

Característica do vinho

As tempranillos  são uvas que nascem em cachos maiores e bem uniformes e têm uma cor azulada, quase negra. Isto já nos mostra a especialidade delas: Vinhos tintos bem vermelhos, um vermelho realmente muito intenso.

Os vinhos produzidos com Tempranillo têm como característica o equilíbrio em acidez, taninos e aromas de frutas. Eles são feitos tanto para consumo rápido, quanto para envelhecimento em barricas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.