facepixel

Vinho e viagem: Na Feira Internacional de Enoturismo – FINE 2021

VINHO e VIAGEM: Na Feira Internacional de Enoturismo - FINE 2021

Durante dois dias, mais de 100 expositores, entre eles restaurante e vinícolas, foram a Valladolid, na Espanha, para oferecer aos amantes dos vinhos uma experiência única. A Feira Internacional de Enoturismo (FINE 2021) garante uma verdadeira imersão no universo da bebida.

Neste texto, você irá conferir tudo sobre o que aconteceu nos dois dias desse super evento. Confira!

Primeiro dia

A primeira manhã da feira foi maravilhosa, com várias palestras e principalmente muitas analises de dados, que mostram como o enoturismo será cada vez mais importante para as vinícolas e restaurantes.

O evento nos mostra que a tendência no mundo pós-pandemia será ampliar o acesso das pessoas aos vinhedos. Afinal de contas, estamos num momento que queremos estar com a família, com os amigos. Nesse contexto, uma experiência enológica se torna uma opção muito viável.

Países vinícolas que estão representados na Feira, como Portugal, Espanha, França, Itália, terão de investir bastante em sua infraestrutura turística para comportar essa demanda.

Na segunda parte da Feira, o tema foi inovação, marketing e a importância das redes sociais. A comunicação online está em crescente avanço no mundo, pois existe uma infinidade de  informações que as vinículas ou qualquer empresa do setor enoturístico podem ter no computador. Sabe-se muito mais com os dados virtuais do que quando se entra numa vinícula pra comprar ou só pra visitar. Quem quer crescer no mercado atual, terá de se adaptar.

Além disso, tivemos a oportunidade de experimentar os melhores vinhos portugueses. Com bastante mineralidade, são frescos e excelentes pra acompanhar entradas, comidas mais leves, típicas de verão. Além disso, são frutados, com acidez marcada e têm um toque de mel.

Segundo dia

No segundo e último dia de FINE 2021, os visitantes aprenderam mais sobre gastronomia. O foco foi conhecer melhor o trabalho dos restaurantes, as inovações que trazem para a cozinha e as harmonizações.

Se no primeiro dia experimentamos os vinhos portugueses, no segundo foram os espanhóis que roubaram a cena. Foram os vinhos mais presentes nesta feira, afinal estavam em sua terra natal.

Existem várias vinículas que brincam com a realidade virtual. Mesmo online, o púbico teve a experiência de visitar uma cave, local onde se armazenam os vinhos. Fizemos também a prova do vinho da Abadia Retuerta, que tem cerca de 18 meses de barrica, com intensidade de aroma e sabor fantásticos.

Quer ter mais outros conhecimentos sobre o enoturismo? Inscreva-se em nosso canal no YouTube e ative o sininho para receber as notificações de nossos vídeos. Até a próxima!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.